logologo

Fale Conosco

InícioBlogO futuro da energia solar: iluminando 2024

O futuro da energia solar: iluminando 2024

2024-03-04

Nos últimos anos, os preços de retalho da electricidade nos EUA registaram um aumento significativo, com um aumento impressionante de mais de 50 por cento nas últimas duas décadas. Os estados da região médio-atlântica sentiram especialmente o impacto, testemunhando um aumento de 25% nas taxas entre 2021 e 2022.

 

Embora esta turbulência imprevista tenha deixado muitos perplexos, Wilson Chang, um empresário de tecnologia climática e CEO da Sunrock Distributed Generation, prevê um futuro brilhante para o setor solar dos EUA. Segundo ele, o setor está preparado para um crescimento notável a partir de 2024. Chang partilha a sua visão sobre a crescente procura de energia impulsionada pela IA, o potencial negligenciado da energia solar e a prevalência de sistemas solares nos telhados.

 

O aumento do consumo de energia

Enquanto estamos à beira de uma nova era, estamos testemunhando um aumento dramático no consumo de eletricidade impulsionado por veículos elétricos (VEs), inteligência artificial (IA), criptomoedas e pela transformação digital do mundo. Estas forças estão a moldar o panorama energético e a criar novas oportunidades para fontes de energia renováveis.

 

Veículos Elétricos e Energias Renováveis

A crescente adoção de VEs apresenta desafios únicos para a rede elétrica. Com os VE ligados à rede, a procura de energia está a atingir níveis sem precedentes. Contudo, os investidores visionários já reconheceram que as energias renováveis ​​estão a substituir rapidamente o petróleo no sector dos transportes. Para colocar as coisas em perspectiva, a geração solar torna-se mais rentável do que o petróleo, dado que o seu preço cai abaixo dos 10 dólares por barril. Além disso, a perda de calor inerente à combustão torna o petróleo antieconómico em comparação com a electricidade verde. Como resultado, as fontes de energia renováveis, como a energia solar, estão se tornando uma opção atraente. Os avanços contínuos na tecnologia solar deverão tornar a eletricidade verde ainda mais acessível nos próximos anos, tornando-a a escolha mais lógica para satisfazer a crescente procura de energia provocada pelos VE.

 

Necessidades de IA e poder computacional

No mundo de hoje, a IA, as criptomoedas e outras inovações impulsionadas pela tecnologia cativaram a imaginação humana. Esse fascínio se traduziu em um crescimento exponencial nos requisitos de potência computacional. Surpreendentemente, gerar apenas algumas imagens geradas por IA consome tanta energia quanto carregar um telefone celular. Igualmente surpreendente, a geração de texto gerado por IA tem a capacidade de alimentar uma luz LED. Além disso, o consumo de energia do Bitcoin por si só rivaliza com o de um país inteiro como a Noruega. Comparativamente, o cérebro humano consome energia equivalente a uma simples lâmpada. Antes de imaginarmos que a IA dominará o mundo, devemos reconhecer a necessidade de estabelecer fontes de energia adicionais para alimentar o crescimento exponencial da IA.

 

Com as crescentes exigências energéticas dos veículos elétricos, da IA ​​e de outras tecnologias emergentes, existe uma clara necessidade de fontes de energia fiáveis ​​e sustentáveis. A energia solar emergiu como pioneira no atendimento a essas demandas, oferecendo uma alternativa mais ecológica e acessível. Ao olharmos para 2024, é inegável que a energia solar desempenhará um papel vital na definição do futuro do consumo de energia. Desde sistemas solares em telhados até instalações solares em grande escala, a energia solar está preparada para iluminar o nosso caminho em direção a um futuro mais limpo e sustentável.

 

A crescente demanda por energia e a instabilidade geopolítica aumentam as tarifas de energia no varejo em 2024 e além

O mundo enfrenta atualmente uma crise que não só afeta os nossos meios de subsistência, mas também aumenta o custo da energia. A instabilidade geopolítica desempenha um papel significativo no aumento dos preços da energia a nível mundial. Os conflitos em curso, como a violência na Ucrânia e o conflito em Gaza, conduziram a uma rede mais ampla de instabilidade, resultando em flutuações constantes nos preços da energia tradicional. Infelizmente, esta volatilidade afeta tanto os seres humanos como o capital necessário para a geração de energia legada em todo o mundo.

 

Infraestrutura de transmissão envelhecida: um importante contribuidor para o aumento dos preços de energia no varejo

 

Surpreendentemente, aproximadamente metade dos preços retalhistas da energia não são determinados pelo custo real da energia em si. Em vez disso, a envelhecida infra-estrutura de transmissão assume a culpa. A recente falência da PG&E resultante dos incêndios florestais na Califórnia serve como um lembrete sombrio das consequências de negligenciar a infra-estrutura de transmissão. Acidentes dispendiosos e despesas crescentes de transmissão são resultados inevitáveis ​​da dependência de uma rede elétrica centralizada legada. No entanto, as marés estão a mudar, uma vez que indivíduos e empresas já estão a liderar o caminho para uma rede mais descentralizada e distribuída através da adopção de energia solar, armazenamento e equipamento de electrificação.

 

A Lei de Redução da Inflação: Um Catalisador para uma Infraestrutura Mais Verde e um Crescimento Econômico

Contrariamente às expectativas dos analistas económicos, a resiliência da economia americana provou ser mais forte do que o previsto. Fatores como a robusta indústria de viagens durante a recente temporada de férias impulsionaram a economia, surpreendendo muitos que previam uma potencial recessão em 2023.

 

Um impulsionador significativo desta força económica é a Lei de Redução da Inflação (IRA). A Goldman Sachs estima que esta lei injectará espantosos 1,2 biliões de dólares na economia através de gastos governamentais e cortes fiscais. Para colocar este número em perspectiva, excede o orçamento atribuído à construção do sistema rodoviário americano ao abrigo da Lei das Auto-estradas Interestaduais de 1956 e do New Deal de FDR, que desempenhou um papel fundamental na retirada da economia americana da Grande Depressão.< p>

 

Embora a oferta de títulos do Tesouro tenha contribuído para o aumento do custo do dinheiro, muitos analistas económicos não consideraram a escala dos gastos no outro extremo. Estima-se que este influxo de fundos irá estimular três vezes o montante das despesas do sector privado. Além disso, o IRA revolucionará a indústria da energia solar, reduzindo os custos dos painéis solares para apenas alguns centavos por watt até o final desta década. Além disso, a Lei CHIPS irá reestruturar parcialmente uma complexa indústria de fabricação de semicondutores, fortalecendo ainda mais as capacidades tecnológicas do país. Estas medidas não só evitam uma recessão, mas também abrem caminho para uma infraestrutura mais verde e sustentável.

 

A crescente demanda por produtos, energia e edifícios sustentáveis

O movimento em direção à sustentabilidade não é simplesmente uma tendência passageira – é uma força poderosa impulsionada por diversas partes interessadas, incluindo empresas, proprietários de imóveis e consumidores. Na verdade, a procura por produtos, energia e edifícios sustentáveis ​​só está a aumentar e não mostra sinais de abrandamento.

 

A mudança do consumidor em direção à sustentabilidade

As preferências dos consumidores atingiram um ponto mais alto quando se trata de produtos sustentáveis. Da Geração X aos Millennials e à Geração Z, há um apoio esmagador a soluções verdes e sustentáveis. As gerações mais jovens, em particular, são defensoras das causas ambientais, fazendo da sustentabilidade uma prioridade máxima nas suas decisões de compra.

 

A maré indomável dos fluxos ESG

Apesar da resistência política ocasional, as tentativas de obstruir os fluxos de capital para iniciativas ambientais, sociais e de governação (ESG) não terão sucesso a longo prazo. A tendência pode enfrentar modificações e adaptações, mas o desejo subjacente de construir um futuro sustentável continuará a orientar os investimentos de capital.

 

Um futuro impulsionado pela energia solar de origem comunitária

Num futuro próximo, os sistemas solares tornar-se-ão uma característica comum nos telhados, e a força motriz por detrás desta mudança não serão as empresas de serviços públicos, mas sim os indivíduos e as comunidades locais. O poder de gerar energia limpa estará nas mãos daqueles que residem nessas comunidades, provando que a sustentabilidade não está mais apenas no domínio dos fornecedores de serviços públicos em grande escala.

 

O futuro brilhante da indústria solar

Apesar dos desafios enfrentados pela indústria solar dos EUA em 2023, incluindo o aumento das taxas de juros e as mudanças nas regulamentações de medição líquida na Califórnia, o futuro continua brilhante. Empresas e indivíduos agora têm a oportunidade de instalar e construir seus próprios sistemas de energia solar a um custo menor do que o que as concessionárias podem oferecer. O ritmo da inovação na indústria solar está apenas a acelerar, abrindo caminho para um futuro onde a energia limpa e acessível seja acessível a todos.

 

Solar: a porta de entrada para uma rede energética mais limpa e eficiente

A energia solar serve como porta de entrada para uma rede energética mais eficiente, limpa e confiável. À medida que mais telhados de edifícios possuem sistemas solares combinados com baterias e estações de carregamento de veículos eléctricos, a transformação do panorama energético torna-se mais aparente. Esta mudança para a electrificação distribuída representa uma oportunidade significativa, com cada dólar investido em energia solar comercial gerando três dólares em armazenamento, centrais eléctricas virtuais, electrificação e infra-estruturas adicionais. Os analistas prevêem que o custo dos painéis solares continuará a diminuir, atingindo potencialmente apenas alguns centavos por watt nos próximos cinco anos.

 

Capacitando Comunidades com Sunrock

A Sunrock, por meio de sua extensa rede de parceiros em todos os 50 estados, está apoiando empresas, proprietários de edifícios, organizações sem fins lucrativos e escolas em comunidades locais. Ao possuir e gerenciar sistemas de geração complexos em seu nome, a Sunrock ajuda essas entidades a economizar dinheiro em suas contas de eletricidade e a contribuir para um futuro mais sustentável.

 

No geral, a procura por produtos, energia e edifícios sustentáveis ​​continua a crescer. Este movimento popular, impulsionado pelas preferências dos consumidores e pelos fluxos de capital, está a preparar o caminho para um futuro definido por práticas limpas, acessíveis e ambientalmente conscientes.

Compartilhar
Artigo anterior
Próximo artigo
Contacte-nos para a sua solução energética!

Nosso especialista entrará em contato com você se você tiver alguma dúvida!

Select...